Notícias

Corona Vírus preocupa comunidade médica internacional

site 05

O corona vírus tem assustado a comunidade de saúde internacional. Mas em tempos de internet, a propagação de notícias falsas ou alarmistas demais também preocupa. Para os profissionais da saúde é importante informar-se sempre por meio de fontes idôneas. “O Ministério da Saúde tem atualizado diariamente o boletim informativo sobre a doença e seu avanço no Brasil. O próprio órgão está se encarregando de informar o que é mito e o que é verdade a respeito do COVID 19”, observa o presidente da OAB-PR, Dr. Dalton Luiz Bittencourt.

Para os profissionais de saúde, há um protocolo de Manejo Clínico para o Novo Corona Vírus. Trata-se de um guia bastante completo que propõe: “Diante da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (ESPIN) por doença respiratória, causada pelo novo corona vírus (2019-nCoV) e considerando-se as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS), as equipes de vigilância dos estados e municípios, bem como quaisquer serviços de saúde, devem ficar alertas aos casos de pessoas com sintomatologia respiratória e que apresentam histórico de viagens para áreas de transmissão local nos últimos 14 dias.”

O objetivo do documento é orientar para atuação na identificação, notificação e manejo oportuno de casos suspeitos de infecção humana pelo novo coronavírus de modo a mitigar os riscos de transmissão no território nacional.

O Ministério da Saúde orienta cuidados básicos para reduzir o risco de contrair ou transmitir infecções respiratórias agudas, incluindo o corona vírus. Entre as medidas estão:

  • Lavar as mãos frequentemente com água e sabonete por pelo menos 20 segundos, respeitando os 5 momentos de higienização. Se não houver água e sabonete, usar um desinfetante para as mãos à base de álcool.
  • Evitar tocar nos olhos, nariz e boca com as mãos não lavadas.
  • Evitar contato próximo com pessoas doentes.
  • Ficar em casa quando estiver doente.
  • Cobrir boca e nariz ao tossir ou espirrar com um lenço de papel e jogar no lixo.
  • Limpar e desinfetar objetos e superfícies tocados com frequência.

Profissionais de saúde devem utilizar medidas de precaução padrão, de contato e de gotículas (máscara cirúrgica, luvas, avental não estéril e óculos de proteção).

Para a realização de procedimentos que gerem aerossolização de secreções respiratórias como intubação, aspiração de vias aéreas ou indução de escarro, deverá ser utilizado precaução por aerossóis, com uso de máscara N95.

Mais informações no site www.saude.gov.br/coronavírus




Mais notícias


post-img2

Odontologia humanizada

21 de setembro de 2020
Notícias mais recentes