Notícias

Consultórios mais seguros contra o coronavírus

post-img-abopr-consultorios

Face à pandemia do novo coronavírus e da curva ascendente de casos confirmados no Brasil, a ABO-PR reforça a importância de os profissionais da Odontologia acompanharem as recomendações divulgadas diariamente pelo Ministério da Saúde para prevenir a propagação do vírus, além de redobrar as normas de biossegurança indicadas pelos órgãos sanitários.

A Secretaria Municipal de Saúde de Curitiba suspendeu os atendimentos eletivos nas clínicas odontológicas da capital. A orientação é que apenas pacientes com queixas de urgência odontológica sejam atendidos.

O covid-19 propaga-se via gotículas respiratórias, contato direto com secreções infetadas e aerossóis em alguns procedimentos terapêuticos que os produzem (por exemplo as nebulizações), bem como nas consultas odontológicas. O CFO criou uma cartilha de prevenção, na qual recomenda, entre outras coisas a pré-consulta para identificar se o paciente é sintomático para coronavírus e uma anamminese detalhada para pacientes em consultório. Para ter acesso integral a cartilha, entre no link: http://bit.ly/3b1VYzY

Confira os principais cuidados para a prevenção do covid-19 nos consultórios odontológicos:

  • Usar a máscara N95 ou, em caso de continuar usando a máscara habitual, trocá-la a cada duas horas para evitar a perda de eficácia;
  • Reforçar o uso de luvas, proteção facial e óculo protetores (recomenda-se desinfetar e higienizá-lo a cada procedimento);
  • Lavar cuidadosamente as mãos antes e depois de tratar os pacientes;
  • Após cada consulta, limpar e desinfetar imediatamente todas as superfícies e ambiente de trabalho;
  • Ter precauções redobradas no manuseio de modelos, moldes e perfurocortantes, assegurando a sua efetiva desinfecção;
  • Seguir rigorosamente todos os procedimentos universais de esterilização e desinfecção;
  • Evitar aglomerações nas salas de espera; manter a distância de um metro entre os pacientes;
  • Evitar os cumprimentos com beijos, abraços ou aperto de mão na consulta;
  • Procurar manter todas as superfícies do consultório permanentemente limpas e desinfetadas devido ao fato que o vírus pode ser transportado pelos aerossóis e consegue sobreviver nessas superfícies durante por até 9 dias.



Mais notícias