Notícias

45% das cardiopatias podem ter origem na boca

post-1-inner

Ir periodicamente ao Cirurgião-Dentista pode contribuir para manter uma distância segura de estatísticas alarmantes – cerca de 45% das cardiopatias e 36% das mortes por problemas cardíacos podem ter origem na boca, como alerta artigo publicado pela Veja Saúde. Embora os mecanismos ainda não estejam totalmente claros, já sabe que muitos problemas cardíacos têm origem no descuido com a saúde bucal, ocasionado o desenvolvimento de doenças periodontais e de patologias sistêmicas, como a aterosclerose, maior responsável por doenças cardiovasculares (DCV’s), a endocardite, infecção do revestimento interno do coração, e o acidente vascular cerebral (AVC).

Tudo leva a crer que a saúde bucal e as DCV’s estão conectadas pela disseminação de bactérias, que partem da boca em direção a outras áreas do corpo por meio da corrente sanguínea. Apesar de ainda não haver consenso entre os pesquisadores e de como se estabelece a ligação entre infecções bucais e coração, é de senso comum que prevenir e tratar a doença periodontal reduz consequências cardiovasculares. Dessa forma, o diagnóstico e o tratamento são importantes para a manutenção da saúde bucal e cardíaca, impactando positivamente na prevenção das DCV’s, que causam 400 mil óbitos, por ano, no Brasil – mais do que câncer, doenças respiratórias e mortes violentas. No consultório odontológico também se cuida do coração.

Fonte: Veja Saúde




Mais notícias


abo_mkt_novembroazul

Novembro Azul – 2021

24 de novembro de 2021